Path of Exile ganha versão em português e agora quer conquistar mais jogadores brasileiros


Por Bruno Izidro

Quando Path of Exile foi lançado, em 2013, ele chamou a atenção de fãs de RPG de ação. Mesmo sendo online e free-to-play com microtransações, a pegada old school que lembra Diablo II fez com que o jogo atraísse cada vez mais jogadores nesses dois anos de vida. De acordo com o estúdio criador do jogo, a neozelandesa Grinding Gear Games, atualmente são mais de 13 milhões de contas registradas e cerca de 1,5 milhões de jogadores ativos.

O interessante é que muitos deles são brasileiros. “Descobrimos que 10% dos nosso jogadores estão jogando a versão em inglês no Brasil”, fala o cofundador do estúdio e game designer de Path of Exile , Chris Wilson, em entrevista ao Gizmodo Brasil, durante evento do jogo em São Paulo, na última semana. “Isso é incrível pra nós e descobrimos o quão grande esse mercado é por aqui”. Por isso, o plano agora é conquistar mais jogadores no país. Como? Lançando no próximo dia 11 de dezembro uma versão em português de Path of Exile, com servidor no Brasil – o que vai diminuir consideravelmente a latência do jogo – e micro-transações em reais.