Pearl Jam toca na íntegra 'Ten', disco de 1991, pela 1ª vez em show nos EUA



Set list do show do Pearl Jam em Filadélfia, nesta sexta-feira (29); pela primeira vez a banda tocou todas as faixas do disco de estreia, 'Ten' (1991), e na ordem em que elas aparecem no álbum (Foto: Reprodução/Facebook/Pearl Jam)Set list do show do Pearl Jam em Filadélfia, nesta sexta-feira (29); pela primeira vez a banda tocou todas as faixas do disco de estreia, ‘Ten’ (1991), e na ordem em que elas aparecem no álbum (Foto: Reprodução/Facebook/Pearl Jam)

Em show nesta quinta-feira (28) em Filadélfia, Estados Unidos, o Pearl Jam tocou ao vivo, pela primeira vez, todas as faixas do disco de estreia da banda, “Ten” (1991), e na ordem em que elas aparecem no álbum.

Considerado um clássico do grunge – principal movimento do rock da década de 1990 e que tinha bandas como Nirvana, Soundgarden, Alice in Chains e Mudhoney –, o CD tem hits como “Even flow”, “Alive” e “Black”.

Com duração de 2  horas e 53 minutos, a apresentação desta quinta teve faixas de outros álbuns do Pearl Jam.

Embora seja raríssimo que a banda dedique um segmento inteiro de um show a único disco, esta foi a segunda vez, na atual turnê, em que isso aconteceu, informa a revista americana “Rolling Stone”. Em uma apresentação em Greenvile no dia 16 de abril, o escolhido foi “Vs.” (1993), o sucessor de “Ten”.

Antes disso, em outubro de 2014, o Pearl Jam tinha tocado inteiro “No code” (1966), quarto CD de estúdio do grupo de Seattle, e “Yield” (1998), quinto CD de estúdio. 

Sobre aquela ocasião, o baixista da banda, Jeff Ament, afirmou à “Rolling Stone”: “nós estávamos no avião, e Ed [Vedder, vocalista] disse: ‘Ei, o que vocês acham de tocarmos ‘No code’ nesta noite?’. Nós basicamente ficamos balançados e, logo antes do show, aprendemos as cinco músicas [do disco] que não vínhamos tocando nos últimos 10 anos. Isso criou meio que uma boa tensão. Lá pela segunda ou terceira música, os fãs começaram a perceber o que estava acontecendo. Nós podíamos sentir isso. Eu acho que o fato de termos feito isso em Milwaukee e Moline foi incrível. Aquilo foi a melhor coisa que já aconteceu”.





Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *