Uma das visualizações mais convincentes sobre mudança climática que já vimos


Os dados sobre a mudança climática são inegáveis: vivemos em um mundo quente que está ficando ainda mais quente. E um relatório do IPCC (Painel Intergovernamental sobre Mudança Climática), compilado por mais de duzentos cientistas de quarenta países, diz com 95% de certeza que grande parte do aquecimento global tem causas humanas.

>>> A Terra de 56 milhões de anos atrás nos mostra o futuro da mudança climática
>>> Se você acha que o aumento de um grau na temperatura é pouco, leia isto

Ainda assim, às vezes é difícil fazer as pessoas realmente verem a tendência global do clima – por exemplo, ainda há quem interprete um inverno rigoroso como prova de que não há aquecimento global. É por isso que este gráfico do climatologista Ed Hawkins, do Centro Nacional de Ciências Atmosféricas da Universidade de Reading (Reino Unido), dá uma visão geral excelente do que está acontecendo.

oo0q9awrmmsctypfh6yb (1)

No gráfico, Hawkins coloca as alterações de temperatura de cada mês desde a década de 1850. Por décadas, estas alterações se concentravam em 0°C. Aos poucos, elas começam a se tornar mais intensas, especialmente após o ano 2000. É quando a Terra começou a mostrar sinais bem claros do aquecimento: por exemplo, os treze níveis mais baixos de gelo marinho no Ártico durante o inverno foram vistos nos últimos treze anos.

Esta visualização de dados sobre o clima permite que o ruído de pequenas variações desapareça no fundo, enquanto mostra claramente a tendência da mudança climática.

“Eu acho que há muito a se ver – variações de mês para mês e de década para década”, diz Hawkins ao Gizmodo. “Eu queria visualizar as alterações que vimos de diferentes maneiras para aprender como podemos melhorar a nossa comunicação. A espiral aparece para apresentar a informação de uma forma atraente e direta. O ritmo da mudança é imediatamente óbvio, especialmente ao longo das últimas décadas. A relação entre as temperaturas globais atuais e os limites-alvo discutidos internacionalmente também é clara, sem muita interpretação complexa necessária.”

Hawkins também foi um dos autores que contribuíram para um relatório do IPCC de 2014, que alertava para a escassez de alimentos e de água nas próximas décadas devido à mudança climática.

[Climate Lab Book]

Foto por Cimexus/Flickr



Source link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *