Dispositivo que estanca ferimentos por tiro salvou uma vida pela primeira vez


Um dispositivo inovador cheio de pequenas esponjas recentemente salvou a vida de um soldado americano que levou um tiro na perna. Este é o primeiro uso clínico do produto conhecido como XSTAT.

O dispositivo foi aprovado para uso militar em 2014, e este incidente marca a primeira vez que o sistema foi utilizado em uma situação real.

O XSTAT foi desenvolvido pela empresa RevMedx e usado por uma equipe cirúrgica em campo (FST) dos EUA; eles não conseguiam estancar uma hemorragia grave num paciente utilizando técnicas padrão.

O sistema de hemostasia rápida XSTAT funciona bombeando esponjas expansíveis com o tamanho de comprimidos em uma ferida, estancando o sangramento enquanto o paciente é levado para o hospital.

xstat 2

As esponjas são feitas de celulose e revestidas em quitosana, um coagulante e agente antimicrobiano. Elas têm 9,8 mm de diâmetro e cada uma pode absorver 3 ml de sangue. Ao entrar em contato com o sangue, as esponjas crescem em até dez vezes.

Uma vez injetadas, as esponjas se expandem rapidamente e exercem pressão hemostática para interromper o sangramento, preenchendo a ferida em cerca de 15 segundos. Cada esponja contém um marcador de raios-X para confirmar a remoção após uma cirurgia.